Sementes ao ar

Naquele dia, Jesus saiu de casa, e foi sentar-Se na margem do mar da Galileia. Numerosas multidões reuniram-se em volta d’Ele. Por isso, Jesus entrou numa barca e sentou-Se, enquanto a multidão ficava de pé na praia. E Jesus falou-lhes de muitas coisas em parábolas: «O semeador saiu para semear....

Continuar a ler

Como é bom estarmos aqui!

Uns oito dias depois destas palavras, levando consigo Pedro, João e Tiago, Jesus subiu ao monte para orar. Enquanto orava, o aspecto do seu rosto modificou-se, e as suas vestes tornaram-se de uma brancura fulgurante. E dois homens conversavam com Ele: Moisés e Elias, os quais, aparecendo rodeados de glória,...

Continuar a ler

Queremos repousar em Ti!

Do fundo do abismo clamo a ti, SENHOR! Senhor, ouve a minha prece! Estejam teus ouvidos atentos à voz da minha súplica! Se tiveres em conta os nossos pecados, Senhor, quem poderá resistir? Mas em ti encontramos o perdão; por isso te fazes respeitar. Eu espero no SENHOR! Sim, espero!...

Continuar a ler

«Levanta-te e vai…”

A palavra do Senhor foi dirigida pela segunda vez a Jonas, nestes termos: «Levanta-te e vai a Nínive, à grande cidade e apregoa nela o que Eu te ordenar.» Jonas levantou-se e foi a Nínive, segundo a ordem do Senhor. Nínive era uma cidade imensamente grande, e eram precisos três...

Continuar a ler

E para nós quem é Jesus?

Ao chegar à região de Cesareia de Filipe, Jesus fez a seguinte pergunta aos seus discípulos: «Quem dizem os homens que é o Filho do Homem? Eles responderam: «Uns dizem que é João Baptista; outros, que é Elias; e outros, que é Jeremias ou algum dos profetas.» Perguntou-lhes de novo:...

Continuar a ler

Preciso de ti…

“… Já não vos chamo servos, visto que um servo não está ao corrente do que faz o seu senhor; mas a vós chamei-vos amigos, porque vos dei a conhecer tudo o que ouvi ao meu Pai.  Não fostes vós que me escolhes-tes; fui Eu que vos escolhi a vós e vos...

Continuar a ler

Aprendamos a autoridade com Jesus

“Entraram em Cafarnaúm. Chegado o sábado, veio à sinagoga e começou a ensinar. E maravilhavam-se com os seus ensinamentos, pois os ensinava como quem tem autoridade e não como os doutores da Lei. Na sinagoga deles encontrava-se um homem com um espírito maligno, que começou a gritar: « Que tens a ver connosco,...

Continuar a ler