“Vou enviar-te um anjo”

“Vou enviar um anjo à tua frente, para que cuide de ti no caminho e te leve até ao lugar que preparei para ti. Respeita-o e obedece-lhe. Não te revoltes, porque ele leva consigo o Meu nome, e não perdoará as tuas revoltas. Contudo, se lhe obedeceres fielmente e fizeres tudo o que Eu disser, então serei para ti inimigo dos teus inimigos e adversário dos teus adversários. O Meu anjo irá à tua frente e introduzir-te-á na terra dos amorreus, heteus, ferezeus, cananeus, heveus e jebuseus, e Eu acabarei com eles. Não adores os seus deuses, nem os sirvas. Não faças o que eles fazem, mas destrói os seus deuses e quebra os seus monumentos sagrados. Servi a Javé, vosso Deus, e então Ele abençoará o vosso pão e a vossa água, e afastará a doença do meio de vós.”
Ex. 23, 20-23

Penso que todos gostaríamos de ter este anjo e que ele nos ajudasse a ultrapassar as grandes e pequenas questões que enfrentamos, as encruzilhadas, os desafios, as situações difíceis. Eu não acredito em anjos ao estilo de Hollywood mas sem duvida que o nosso anjo é o Espírito Santo que nos habita. E habitando-nos ajuda-me a discernir nas encruzilhadas, ajuda-me a ver pessoas que são como anjos na minha vida e ajuda-me a ser também anjo para a vida de outros.

Respeitar e obedecer-Lhe é escutar com atenção (obedecer significa escutar com atenção). Escutar a Sua presença, reconhecer que está, que pode ajudar. Reconhecer que podemos falar com Ele sempre e que está sempre atento e disponível para nós. Reconhecer e escutar porque Ele é Deus e nós somos criaturas. Nós não entendemos e muitas coisas são para nós um mistério mas Deus conhece e é para nós esse defensor.

 

Os comentários estão encerrados.