Comentários estão desligados para este conteúdo

Em Ti descansou o seu olhar

Mi           Lá     Mi       Ré     Mi
Porque descansou na tua pequenez, Maria
     Lá             Mi        Fá♯-Mi7
O olhar daquele que é todo-poderoso. (x2)

       Lá               Mi
O teu alento aviva se a chama se apaga
  Dó♯-               Fa♯-
A cana rachada não será quebrada
    Ré              Lá
Ele toma a vida ferida e quebrada
     Ré
Como barro em suas mãos,
                Lá     Mi
Com eterna bondade nos salva.

Tua voz é anuncio que anima o cansado 
Palavra feliz que desperta à vida 
Promessa que abre as portas do reino
Ao que se faz pequeno e se apoia na sua palavra.

Ré          Lá            Ré               Mi
Faz mãe que não ocultemos as misericórdias no Senhor
Ré              Mi    Ré             Mi
Por levá-las gravadas em vasilhas de barro. (x2)
Letra: Elvia Lucia Chavarria Zapata e Maeve Heaney (FMVD)

Os comentários estão encerrados.