Comentários estão desligados para este conteúdo

Senhor, Tu me perscrutas

   DÓ             FÁ             SOL
Senhor, Tu me perscrutas e me conheces.
   DÓ              FÁ           SOL
Conheces quando me sento e me levanto,
   DÓ       FÁ                 SOL
de longe conheces os meus pensamentos.
   DÓ            FÁ               DÓ SOL
Conduzes o meu caminho e o meu descanso.
FÁ            SOL                 DÓ
todos os meus passos te são familiares.

Ainda a palavra não me chegou à boca
e Tu, Senhor, já a conheces toda. 
Abraças-me por trás e por diante,
e cobres-me com tua mão.
todos os meus passos te são familiares.

     LÁ-              SOL
Para onde posso ir longe de Ti,
   FÁ             DÓ
Se quando subo à imensidão
   FÁ               RÉ-      SOL
E quando entro no segredo, estás aí.
   LÁ-           SOL
Se peço asas ao amanhecer
  FÁ               DÓ
Para ir ao outro lado do mar,
   FÁ                RÉ-     SOL
Também me encontro aí na Tua mão.

Senhor, eu Te dou graças por tuas maravilhas,
pois tu, Senhor, me formaste em cada detalhe; 
E porque me escolheste gratuitamente
e segues, passo a passo, a minha vida. 
todos os meus passos te são familiares. 

Se eu contar todos os Teus pensamentos,
são abundantes, ó Deus, como as estrelas;
e quando estou cansado ainda estou contigo, 
não deixes que me perca por mau caminho.
todos os meus passos te são familiares.
Senhor, Tu me perscrutas e me conheces.
Conheces quando me sento e me levanto,
de longe conheces os meus pensamentos.
Conduzes o meu caminho e o meu descanso.
todos os meus passos te são familiares.

Ainda a palavra não me chegou à boca
e Tu, Senhor, já a conheces toda. 
Abraças-me por trás e por diante,
e cobres-me com tua mão.
todos os meus passos te são familiares.

Para onde posso ir longe de Ti,
Se quando subo à imensidão
E quando entro no segredo, estás aí.
Se peço asas ao amanhecer
Para ir ao outro lado do mar,
Também me encontro aí na Tua mão.

Senhor, eu Te dou graças por tuas maravilhas,
pois tu, Senhor, me formaste em cada detalhe; 
E porque me escolheste gratuitamente
e segues, passo a passo, a minha vida. 
todos os meus passos te são familiares. 

Se eu contar todos os Teus pensamentos,
são abundantes, ó Deus, como as estrelas;
e quando estou cansado ainda estou contigo, 
não deixes que me perca por mau caminho.
todos os meus passos te são familiares.

Autoria: Rodolfo Llamas, FaMVD
Interprete: Familia Missionária Verbum Dei (Mãe d’ Água)

Os comentários estão encerrados.