Querida Família, Queridos Amigos da Verbum Dei

Sabemos que há Quem olhe por nós, Acreditamos que nada acontece por acaso, Temos uma Fé que nos dá força todos os dias, E quando algo extraordinário acontece, Sentimos necessidade de Agradecer

É isso que hoje os Fundos Fraternos, em nome de toda a Família Verbum Dei, sentem que precisam de fazer. Agradecer muito pois, com uma ajuda especial que recebemos, vamos poder continuar com o sonho de melhorar o nosso cantinho de Vale de Lobos. A boa nova é que as obras vão continuar. Com toda a generosidade que nos foi mostrada e oferecida, sentimo-nos tão felizes, tão realizados, tão cheios, que não pudemos deixar de escrever estas palavras.

Um enorme Bem-Haja

Equipa Fundos Fraternos

Querida Família, Queridos Amigos da Verbum Dei

Esperamos que se encontrem todos bem, assim como as pessoas que vos são mais queridas.

Hoje vimos agradecer muito a esta comunidade por toda a sua generosidade. Após um apelo de ajuda, no início de março, vimos partilhar com muita alegria que conseguimos cerca de 10,5 mil euros o que nos permite fazer face a uma boa parte das nossas despesas mensais de abril, maio e junho.

Em baixo, encontra um resumo do que são as despesas correntes e como prevemos fazer face a esses custos. A conta dos Fundos permite, com tranquilidade, contribuir com 2.000 euros até ao final deste ano (2020). As Missionárias têm um income regular de 1000 euros (800 da Segurança Social e 200 euros da renda da casa na Amadora) e os donativos regulares da Comunidade rondam os 2.700 euros/mensais. Assim, e resumindo temos:

Despesas da Comunidade/mês8.560 €
Gastos Casa da Palavra1.625 €
Gastos Vale de Lobos3.800 €
Missionárias3.135 €
Receitas da Comunidade/mês5.700 €
Fundos (com saldo atual da conta)2.000 €
Missionárias1.000 €
Donativos Regulares2.700 €
O que nos falta/mês2.860 €

Mas não estamos parados. Estamos a tentar que o senhorio da Casa da Palavra não nos cobre a renda durante os meses em que não temos atividades (até outubro), ou que, pelo menos, considere uma redução da mesma. Foi enviada uma carta, na semana passada, e aguardamos resposta.

Estamos, ainda, a solicitar às entidades competentes a devolução do IVA das faturas já pagas, correspondentes às Obras de Vale de Lobos. São cerca de 5 mil euros.

E avaliámos com o empreiteiro a possibilidade de parar as obras em Vale de Lobos. O senhor foi extraordinário e compreendeu que vivemos tempos diferentes. Preocupado com a forma como vai deixar Vale de Lobos, e estando a terminar uma fase que permite assegurar que tudo o que foi feito até agora não seja desperdiçado, identificámos o que poderá ser deixado para uma segunda fase. O que é fantástico! A decisão de parar as obras não foi fácil, mas é a maneira de assegurarmos que vamos manter as nossas contas equilibradas e, com o valor não gasto que são cerca de 10 mil euros, poderemos fazer aquilo que mais nos caracteriza, materializando o espírito da nossa comunidade: estarmos cá para quem precisa de nós, em qualquer dimensão.

Para terminar, continuamos a precisar de apoio, em cerca de 2,8 mil euros/mês, mas acreditamos que, em conjunto, vamos conseguir (5 euros por mês fazem toda a diferença). Nesse sentido, voltamos a referir o nosso NIB: 0033 0000 0109 1443 0892 5. Fica o compromisso de ir dando notícias, de como estamos a evoluir ao longo do ano, mês após mês. Queremos a tranquilidade das nossas Missionárias, hoje e amanhã.

Mais uma vez, um grande MUITO OBRIGADO a TODOS

Fundo Fraternos - Maio 2020

Festa das Famílias do Patriarcado 2019

Festa da Família 2019 do Patriarcado de Lisboa e onde uma equipa da Verbum Dei animou a oração inicial do encontro. Foi um momento de 30 minutos em que o Carisma da Verbum Dei fez-se presente. O grupo era formado por cinco casais das Equipas de casais da Verbum Dei....

Continue reading

Peregrinação de adultos 2019

Aconteceu nos dias 25 -28 de Abril, com o lema “Reconhecer-Te hoje”, e ao longo destes quatro dias, Demos passos, Desatámos nós, Criámos laços e Demos abraços. Partimos cheios de vontade do encontro – connosco, com os outros e com Deus. Foi um caminho nem sempre fácil, com subidas, descidas,...

Continue reading